Governo realiza ações para o desenvolvimento comercial de peixes na região de Nova Mamoré e Guajará-Mirim

Governo realiza ações para o desenvolvimento comercial de peixes na região de Nova Mamoré e Guajará-Mirim

“Como vender o meu peixe” foi o tema abordado pela bióloga Ilce Santos de Oliveira, especialista em piscicultura, durante o Seminário organizado pelo Governo de Rondônia em parceria com as prefeituras de Nova Mamoré Guajará-Mirim, para criadores de peixes da região de Nova Mamoré e Guajará-Mirim.

O evento que ocorreu na Câmara de Vereadores de Nova Mamoré faz parte da mobilização de empresários, produtores e piscicultores da região para participarem na 5º Rodada de Negócios de Tambaqui de Rondônia, que ocorrerá em março do ano que vem, na cidade de Porto Velho.

“Estou aqui para explicar e apresentar a vocês quais são as exigências e as condições que temos que seguir para atender os grandes compradores de peixes do nosso pais”, destacou Ilce Oliveira, uma das coordenadoras do grupo técnico instituído para promover o setor. O grupo é formado por técnicos das secretarias estaduais de Desenvolvimento Ambiental (Sedam), Agricultura (Seagri), Emater, Idaron e Superintendência de Desenvolvimento (Suder).

Um dos maiores criadores de peixe de Nova Mamoré, Anaderli Vivan, disse que sempre participa dos eventos de piscicultura que o governo realiza para acompanhar as novidades. “É sempre bom estar antenado para nas novidades”, enfatizou Vivan.

“Hoje em meia hora de prosa eu aprendi como negociar o meu peixe”, disse, rindo, o criador de tambaqui José dos Passos, morador da Terceira Linha do Ribeirão, localizado no KM 14, também na região de Nova Mamoré.

“Pensei que era só criar o peixe mas com essa palestra aprendi que tem toda uma metodologia e cuidados a seguir”, comentou Wanderleia de Oliveira da Cruz, acadêmica do sexto período de gestão ambiental da Unir.

Ilce explicou que a ideia da Rodada de Negócios é juntar os produtores de peixes do estado com os principais compradores. “No primeiro dia da terceira edição da Rodada de Negócios que foi realizado em dezembro do ano passado, em Ariquemes, fechamos mais de 11 milhões de reais em vendas em um só único dia durante de evento”, comentou Ilce. Já na 4ª edição da Rodada de Negócios realizado no mês de outubro, em Ji-Paraná, Ilce disse que foram fechado mais de 8 milhões em negócios.

O objetivo da realização da 5ª edição da Rodada de Negócios é comercializar o peixe dos criadores de Cujubim, Itapoã do Oeste, Candeias do Jamari, Porto Velho, Jaci-Paraná, Nova Mamoré e Guajará-mirim.

Estiveram presentes no evento o prefeito de Nova Mamoré, Claudionor Leme Rocha, o vereador Altamir Fochesatto (presidente da Câmara de Vereadores), Almir Rodrigues (sec. municipal de agricultura de Nova Mamoré), José Wirles Varão (presidente da Associação Comercial de Nova Mamoré), Chico Dias (sec. municipal de Guajará-mirim), Haroldo S. Ramos (Sepog), Luis Alberto Ruiz Duram (reitor da Universidade Autônoma de Beni/Bolivia), Rolando Villar (professor da UAB/Bolivia), acadêmicos da Unir e produtores de peixe da região.

Já na manhã desta quinta-feira, a equipe técnica do governo realizou reunião com a direção da Colônia de Pescadores de Guajará-mirim, Geronima Melo da Costa e Lucien Pereira Zamora, para falar sobre a piscicultura e a 5ª edição da Rodada de Negócios.

Autor / Fonte: Marcelo Gladson/Secom

Leia Também

Comentários